TEMPS D'IMAGES 2007
30 OUT > 15 DEZ
   
         
   
         
   
         
   
         
   
         
   
         
   
 
 
vvoitek zielmilski e verónica conte
TEMPO / IMAGEM
   
 

Talvez seja sobre a atracção. A qualidade mística de um movimento. Com tantas perguntas: Qual é o momento onde o movimento se torna ousado? Atraente? Incómodo? Podemos mostrar aquilo que não podemos esconder? E o que é que acontece se o fizermos?
Será desconcertante ou sedutor? Superfície escorregadia.
A coisa mais funda é a pele, diz Paul Valéry. Quão fundo é o mais fundo?
Há um limite onde a pele parece perder a sua profundidade. Será que a beleza se torna então uma palavra feia? Esse momento de dúvida é um ponto de encontro onde o gesto se torna um desafio para quem olha. Este é o ponto que queremos encontrar.